Notícia: Ação da CAASP contra obesidade atrai centenas de advogados

Quarta-Feira, 11 de Outubro de 2017

Ação da CAASP contra obesidade atrai centenas de advogados

Centenas de advogados, seus cônjuges e dependentes visitaram a sede da CAASP, na Capital, no último dia 11 de outubro para participar da ação preventiva e diagnóstica de combate à obesidade. Eles puderam realizar exame de bioimpedância (que mede a quantidade de gordura corporal) gratuitamente. A ação, alusiva ao Dia Mundial de Combate à Obesidade, visou a alertar sobre um mal que atinge boa parcela da população brasileira e mundial, relacionando-se com o aumento de doenças cardíacas, diabetes, doenças hepáticas e alguns tipos de câncer. Os participantes receberam orientação física de profissionais da Academia Ecofit Club, integrante do Clube de Serviços.

"Gostei muito da atitude da CAASP em promover esse exame, que costuma ser caro. Saber como está a sua saúde gratuitamente e, ao mesmo tempo, consultar-se com uma nutricionista é muito bom”, disse a advogada Michele Aparecida Silva. Ela contou que a última vez que realizou o exame de bioimpedância em uma clínica particular pagou R$ 100,00.

A gratuidade na realização do exame também foi o que levou o advogado Allan Soares à sede da CAASP. “Preocupo-me com o peso a que cheguei. Quero voltar à forma física de antes. Resolvi participar dessa iniciativa porque sei que esse é um exame fundamental, só que é caro de se fazer no particular”, declarou.

Para Márcio Rocha, a campanha foi uma “ótima oportunidade para que os advogados tomem ciência de sua saúde e do que devem fazer para melhorar a qualidade de vida". Cristina Teles corroborrou: “Nós, que temos uma profissão estressante, precisamos ficar de olho na saúde”.

O exame de bioimpedância é a ferramenta mais precisa na avaliação da composição corporal. Por meio de uma corrente elétrica de baixa amplitude e alta frequência que passa pelo corpo inteiro do indivíduo, revela na hora dados como peso, gordura, gordura segmentada, massa magra, massa magra segmentada, gordura visceral, água corporal e metabolismo basal. Com o relatório produzido pelo equipamento, os nutricionistas podem construir uma dieta personalizada, tornando os objetivos e metas a serem buscados muito mais efetivos e afeitos às características de cada um.

De acordo com a Abeso (Associação Brasileira para o Estado da Obesidade e da Síndrome Metabólica), o excesso de peso aumenta com a idade e mais rapidamente nos homens: na faixa de 25 a 29 anos, os homens com sobrepeso são 50,4%. Já nas mulheres, a partir da faixa entre 35 e 44 anos a prevalência o excesso de peso é de 63,6%, enquanto nos homens o índice é de 62,3%, chegando a mais de 70% na faixa entre 55 e 64 anos. A partir dos 75 anos observa-se declínio da prevalência do sobrepeso em ambos os sexos, porém de modo mais acentuado nos homens.

Fotos: Cristóvão Bernardo


+ Mais Notícias